menu
 
 

REN

Comunicados Comunicados
Comunicados

Media

‹ VOLTAR

Plano Estratégico 2021-24: REN com investimentos centrados na transição energética e objetivo firme de atingir neutralidade carbónica em 2040

 

A REN - Redes Energéticas Nacionais apresentou hoje o seu Plano Estratégico para o período 2021 - 2024, que reforça a aposta na transição para uma energia verde sem pôr em causa a solidez financeira e o desempenho operacional de excelência que têm caracterizado a empresa. A REN pretende ainda reduzir as suas emissões em 50% até 2030 (em comparação com 2019), conseguindo atingir a neutralidade carbónica em 2040, dez anos antes do definido pela União Europeia.


Os pilares do Plano Estratégico 2021 - 2024 serão materializados num plano de negócio que prevê um EBITDA anual entre os 450M€e os 470M€, resultados líquidos anuais entre os 90M€ e os 105M€ e uma redução da dívida líquida para um patamar entre os 2.700M€ e os 2.500M€. O peso da CESE nos resultados da REN, que desde 2020 se aplica também à Portgás, levou a empresa a redesenhar a sua politica de dividendos de forma a continuar a providenciar aos seus acionistas um retorno previsível, atrativo e sustentável.


Em termos de investimento, a aposta da REN prossegue centrada na transição energética, estando previsto um aumento de 45% do CAPEX médio anual (doméstico e internacional), comparativamente ao período 2018 - 2020, ultrapassando os 900M€ até 2024. Este investimento será feito na ligação à rede de projetos de energia renovável, no reforço da qualidade e resiliência da atual rede e na preparação da compatibilização da rede de gás com a injeção de gases de origem renovável, nomeadamente o Hidrogénio. Note-se que até 10% do CAPEX será dedicado a iniciativas digitais.


O Plano Estratégico 2021 - 2024 prevê também que o financiamento da empresa seja proveniente de emissões verdes, mantendo a REN as suas características de solidez e baixo risco e não alterando a política financeira conservadora que visa consolidar o seu perfil de crédito Investment Grade. 


No próximo triénio, a REN reforçará o seu empenho no cumprimento dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) criados em 2015 pelas Nações Unidas. A empresa continuará a promover, apoiar e desenvolver ações e projetos em linha com os objetivos que, de entre os 17 ODS, foram identificados como prioritários e alinhados com a estratégia de sustentabilidade da REN. Um desempenho que a empresa quer melhorar até 2024, mas que atualmente já merece reconhecimento pelas principais agências de rating ESG (Ambiente, Responsabilidade Social e Governo Societário).


A Sustentabilidade é um vetor muito importante do Plano Estratégico e refletir-se-á, para além dos compromissos ambientais, em políticas de Recursos Humanos que visam nomeadamente promover a diversidade e aumentar o peso dos temas de sustentabilidade e ESG nas métricas de avaliação de desempenho da REN - Redes Energéticas Nacionais.

Saiba mais no Website do Capital Markets' Day